quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Intermitência

Ao espaço vazio entre dois corpos.


A multidão é a contramão do ínterim. É a contrapartida do vácuo de que nasce a saudável solidão, que fomenta o pensamento, o dilaceramento de ideias, conjecturas.
A conflituosa necessidade de intervalos permite as solidificações - uma construção necessita que sequem os concretos, cimentos, rebocos, pós de areia transformados em paredes, depois quartos, salas, enfim os lares. Seca chão, corrediça, porta, teto. Sequem em seu tempo de secar. Obras atrasam. Prazos são previsões ilusórias.
A saudade é a certeza de que a partida é necessária. A hora da partida alimenta a saudade. A hora da partida é a certeza.

"Somos pó de estrelas, somos todos restos de estrelas", disse a cigana. Somos estrelas que morreram para que pudéssemos ser. O que as estrelas diriam se nos vissem hoje? 


No chão do mundo, infinidade de confetes fingindo areia de praia, grãos coloridos de saudade, intervalos, certezas. A saudade é a certeza, é a criança que diz - não! - e quer dizer não. Ou não.

Chocam-se os copos em nome dos corpos.  Tim-tim! Tocam-se os corpos em nome dos copos corpos copos cópulas corpulentos milímetros de intermitências gritando feito multidão. Pulando coloridos pedaços de saudade, areia cheia de cor, corpo, confetes, sargaço, serpentinas, repentinos copos chocando-se no pedaço infinito de saudade, os corpos respirando o espaço entre corpos.

No princípio, era o verso - que nasce antes do verbo.       

3 comentários:

Milena disse...

cansei de ser saudade.

Lini disse...

Me fez lembrar de um velho poema...

"Que a morte de tudo o que acredito
não me tape os ouvidos e a boca.

Porque metade de mim é o que eu grito,
mas a outra metade é silêncio...

Que a música que eu ouço ao longe,
seja linda, ainda que triste...

Que a mulher que eu amo
seja para sempre amada
mesmo que distante.

Porque metade de mim é partida,
mas a outra metade é saudade."

(trecho do poema Metade, de Ferreira Gullar)

valeria soares disse...

Gostei de ambos: texto e blog. Estou seguindo.

Excelente 2011!!!

Se puder visite-me:

www.valsoaressilva.blogspot.com
www.contosprati.blogspot.com